Usabilidoido: Menu Principal

English Website


Resultado da pesquisa com nossos leitores

Como prometido, lá vai os resultado da pesquisa e o que pretendo fazer em relação. Vocês cumpriram seu papel direitinho, recebi muitas sugestões e, principalmente, críticas. Aliás, estou muito feliz por isso. Como é bom ter leitores críticos! Sem a crítica, não há reflexão e sem isso, não há evolução.

O resultado da pesquisa foi uma surra no meu ego, mas era esse o objetivo. Tive a confirmação óbvia (e difícil de admitir) de que vocês são diferentes de mim! Aliás, esse é o primeiro sintoma do designer que acorda para a importância da usabilidade. O segundo é auto-flagelação e o terceiro é ligar para um consultor de usabilidade porque a ferida dóis demais para mexer sozinho.

O resultado da pesquisa vai ter influência direta sobre o re-design do Usabilidoido. Alguns problemas talvez não possam ser corrigidos pela minha própria incapacidade e falta de tempo. Mas, nunca os esquecerei e, quando puder, eliminarei-os sem dó nem piedade.

Dados da pesquisa

Amostragem: 50 = 10% dos 500 leitores estimados
Período: de 14/01 a 17/01

Perfil dos leitores

Distribuição dos leitores por estado (infográfico interativo)

Tempo de estudo e assuntos preferidos (infográfico)

Devido à falta de colegas de trabalho qualificados na área, 40% dos leitores estão em busca de cursos, enquanto que 37% julga que só ler na Web já é suficiente. Apenas 24% não tem condições para investir nisso por conta própria.

Se investissem em cursos, 44% teriam apoio moral no trabalho e apenas 16% seriam custeados. 37% afirmam que não há apoio porque os empresários não entendem a importância do assunto. Isso significa que precisamos de mais evangelização, pessoal. Todo profissional tem que saber vender bem seu trabalho e cursos fornecem bons argumentos. Recomendo que mesmo aqueles que não têm apoio que façam cursos mesmo assim. Já passei por desconto no salário para me ausentar prum congresso e como valeu à pena.

Confirmando que essa é uma área multi-disciplinar, temos profissionais de diversas áreas lendo:

Design de interfaces 37 %
Programação 26 %
Webmastering 21 %
Marketing, Redação e criação publicitária 9 %
Outra... 5 %
Análise de sistemas 2 %

Entretanto, boa parte dos profissionais (37 %) precisam atuar frequentemente fora de sua área de especialidade, configurando o que chamamos de web-faz-tudo, aquele cara que corta foto no Photoshop ao mesmo tempo em que estrutura um banco de dados. Estes sãos os que mais precisam estudar, já que a experiência do dia-a-dia não oferece oportunidade de especialização. Temos ainda 23% de freelancers e 5% de estagiários, que também estão sujeitos à essa situação.

Dos profissionais estabelecidos 18 % são júnior e sênior, meio a meio. 7% são diretores e 9% sócios. Ninguém assume que é funcionário público.

Agora vem uma resposta que me surprendeu. A maioria dos leitores (63%) costuma ler artigos em inglês. O que estão fazendo no meu blog, se lá fora tem blogs melhores sobre estes assuntos?

Opinião dos leitores

A maioria (56 %) acha que os títulos são descritivos e o resto diz que só descrevo bem às vezes o conteúdo dos posts. Uma solução seria aumentar o número de caracteres dos títulos, porém isso aumentaria também a Url dos posts para tamanhos impraticáveis. Gosto muito de Urls amigáveis:

http://www.usabilidoido.com.br/vamos_melhorar_o_usabilidoido.html

79 % dos leitores afirmam que escrevo quase sempre em tom de verdade absoluta. Difícil de reconhecer, mas vocês tem razão. Agora, será mesmo que isso é ruim? Acho tão chato aqueles textos acadêmicos que fazem rodeios para deixar em aberto: "talvez isso", "talvez aquilo". O que vocês preferem: ler um Jakob Nielsen curto e grosso ou ler um Donald Norman cheio de dependes? Gosto mais do segundo, mas pra escrever é mais fácil o primeiro, hehehe.

Estou preocupado com os ícones. 34 % acham que eles só estão poluindo. Também tenho essa impressão, mas não vou retirá-los na próxima versão. Tentarei dar um respiro maior em volta deles e quem sabe, suavizá-los mais. Vocês já viram que estou bem preocupado com isso.

Quando lancei o layout atual, a caixa de registro da newsletter estava logo abaixo da listagem dos últimos posts, em evidência. Porém, recebi diversos cadastros que na verdade eram buscas. Mesmo tirando os detalhes engraçadinhos, ainda continuaram vindo os cadastros-buscas. Joguei lá pra baixo e parou um pouco, mas continua. Deve ser por isso que 69 % dos leitores nem sabia que temos uma newsletter. Agora, estou convencido de que o problema não é com a caixa da newsletter e sim com a de busca, que não está sendo encontrada de cara. Darei uma área de respiro maior à ela no próximo layout, ainda mais porque para 49 % dos leitores é o primeiro lugar que se dirigem para achar posts antigos.

Mesmo me esforçando bastante neste layout, não consegui ser atraente (46 %). Isso deve ter a ver com o fato de que nunca sou picado por mosquitos. No próximo re-design quero dar mais ênfase na usabilidade, então o banho de mel fica descartado por enquanto.

Outra que me surprendeu foi a pergunta sobre os podcastings. 53 % dos leitores ouve e gosta! E mais, 23 % pára o que está fazendo só pra ouvir. Isso me faz cogitar reduzir a quantidade de posts em texto para dar mais prioridade aos em áudio, o que acham?

Fiquei feliz quando soube que 67 % dos leitores lê quase todos os comentários dos demais leitores. No próximo layout, pretendo dar ainda mais destaque à eles. O que gostaria mesmo era de ter aquela mistura de blog com wiki, mas ainda não saiu.

A pedidos, o novo layout terá a coluna de texto centralizada, que é como prefere 34% dos leitores. Apesar de defender o alinhamento à esquerda, dessa vez tenho que dar o braço a torcer. Apenas 26% preferiram à esquerda ou à direita. De qualquer forma, gostei de saber que a maioria usa os estilos alternativos.

Para finalizar, fiquei honrado em saber que meus escritos tem ajudado meus leitores (44%) no seu trabalho, mudando a forma de trabalhar. 47 % reconhece que eles tem certo impacto, mas só às vezes muda sua opinião sobre o assunto tratado.

As sugestões das última perguntas serão analisadas cuidadosamente. Algumas pessoas fizeram observações construtivas e outras ficaram só na crítica.

Obrigado a todos que participaram e aproveitem os comentários para continuar a discussão!


Dicas

Siga-me no Twitter, Facebook, LinkedIn ou iTunes.

Autor

Frederick van Amstel - Quem? / Contato - 18/01/2005

Palavras-chave

pesquisa    questionário    leitor    leitores    

Opções



Comentários

Discussão
Douglas
18/01/05 às 11:34

Fred,

Quais vão ser as cores utilizadas no novo layout do Usabilidoido?


Discussão
Fred
18/01/05 às 12:28

Ainda não cheguei lá, Douglas. Porém, pretendo manter o laranja como cor padrão dos links. Por aí já dá pra você imaginar as demais cores possíveis (amarelo, azul, branco, preto e cinza).

O artista da vez será Seurat, precursor do pixelart com seu pontilismo. Seu estilo é calmo e geométrico e consegue efeitos especiais pela combinação de pequenos pontos com cores contrastantes. Quero ver se consigo reproduzir esses efeitos no pixelart.


Discussão
Daniel
18/01/05 às 13:19

Fred.. é só uma sugestão..

Pixel art é bacana mas não é interessante para elementos muito pequenos como ícones.

Ergonomicamente o pontilhismo do pixel art funciona melhor em coisas maiores e mais coloridas. já com poucos pixelse com espaço pequeno fica mais complicado sintetizar uma idéia...

minha sugestão são ícones baseados em desenho vetorial e negrito para o menu.
só sugestão.


Discussão
Leandro Menezes Ferreira
22/01/05 às 21:06

tenho que discordar disso, daniel. pixelart é uma técnica mais que um estilo, então não se pode dizer que o pixelart não funciona com ícones. aliás, funciona melhor que muitas outras coisas, já que com o pixelart têm-se um controle total dos pixels(duh), o que faz a diferença na percepção de algo onde o número de pixels é limitado.


Discussão
Daniel
24/01/05 às 10:54

Leandro, é verdade isso que vc falou.
Quando eu disse o que eu disse na verdade só estava querendo alertar que em elementos muito pequenos o visual serrilhado do pixelart não é eficiente. Já é difícil o suficiente transmitir uma idéia em um desenho de tamanho muito reduzido e cores limitadas para que a forma ainda tenha que se tornar um tanto quanto debilitada devido as características de uma "técnica" que virou moda e é de fato muito interessante mas não traz benefícios para que está afim de apenas bater o olho e um lugar e saber exatamente do que se trata aquilo. não quis dizer que faz alguém não ter controle sobre os pixels nem nada disso... só falei pra que o fred tivesse atenção em ser sintético nos ícones mas que esses fossem inteligíveis o mais rapidamente possível.


Discussão
Ruana
11/05/05 às 15:21

Minha opinião é a seguinte:
Porque voçês(Daniel,Leandro e Fred.) não tomam um calmante?


Discussão
Leandro M Ferreira
08/08/05 às 14:05

pareço nervoso pra voce?

discussões desse nível costumam ser bem produtivas.. não vi nenhuma ofensa, agressão ou respostas que não sejam bem pensadas.

se alguém discorda disso, me desculpe


Discussão
Ruana
08/08/05 às 14:55

Desculpe-me!
Só achei que voces podeiram não somente discutir, mas também tentar absorver as outras opniões. Achar que só nossas ideias dão certo, não siguinifica lançar uma respota bem pensada.
Sou Ruana Camila Gomes de Oliveira, tenho 16 anos, estou na 8ª serie, mas tento entender esse assunto que muito me interessa.


Discussão
Leandro M Ferreira
08/08/05 às 19:14

também não acho que em hora alguma deixamos de interpretar e considerar o que o outro escreveu, tanto que as respostas são totalmente baseadas nas considerações do outro. sugiro que leia outra vez...

quando disse que essas discussões são produtivas, disse exatamente porque eu aprendo muito com isso. imagino que tudo isso parte do princípio de lançar sua opinião, conferir a do próximo, analisar e das duas uma: não encontrar erros( ou o que você considera ser um erro ) e concordar com o que falou ou encontrar e evidenciar isso.


Discussão
Ruana
09/08/05 às 14:17

Fim de assunto pra mim Leandro, acabei concordando com você.
Quem sou eu pra discutir com você um assunto em que não compreendo o bastante, você deve saber o que está dizendo.
Gostei do assunto, gostaria de me dar algumas dicas sobre o que está sendo falado?


Discussão
Patricia
03/04/07 às 10:49

Será que no google tem algum desenho fácil, sobre pontilhismo para mim copiar??
eu não estou achando!!

mais tá bem legal o texto, mais o text eu já tenho!!


Discussão
Ruana
02/10/12 às 20:05

Nossa galera,

Achei esse blog onde postei essa besteroca á quando tinha 16 anos....
Meu Deus como eu era boba.
Falei uma coisa que não tinha na haver...

E ainda falei meu nome completo?!?!?
kkkkkkkkkk




Comente.






(aguarde que é demorado mesmo...)

Pegue um fruto.


Você merece.

Assine nosso conteúdo e receba novidades sem sair de casa!

Atualizado com o Movable Type.

Alguns direitos reservados por Frederick van Amstel.

Apresentação do autor | Consultoria | Portifólio | Política de Privacidade | Contato