Usabilidoido: Menu Principal

English Website


Excesso de realismo deixa o jogo chato

Professor de level-design afirma que games estão deixando de ser games e passando a ser meros simuladores.

Game, ou melhor, simulador de Baseball

Logo após a palestra sobre desenvolvimento de games que Luciano Augusto da Silva deu no workshop sobre Flash em Curitiba, fiz uma breve entrevista com ele sobre a sua especialidade, o level design. Assim como Andre Poyart disse noutra entrevista, Luciano recomenda que os gráficos criem o máximo possível a sensação de realidade para o jogador. Porém, essa tendência está tornando os games mais parecidos com simuladores do que com jogos.

Excesso de realismo deixa o jogo chato [MP3] 4 minutos

Transcrição

  • Qual o segredo para jogador se sentir dentro de um cenário de games?
  • Para o jogador se sentir dentro, ele precisa estar dentro de um contexto, dentro da história do game, por isso o game design é tão importante 33"
  • A partir da história que você cria os elementos do cenário. Não depende só de um cenário bonito e de um personagem bonito. 50"
  • Como o cenário pode refletir a história do game? 1' 10"
  • Interpretar bem a história, levar em consideração o horário em que a ação se desenrola, adaptar a textura de acordo
  • Como você pode fazer uma textura e iluminação mais adequada ao contexto? 1' 55"
  • Aproximar o máximo possível da realidade e conhecer exatamente o que se está fazendo. Se está fazendo um deserto, pegar fotos de deserto como referência.
  • Estamos criando jogos cada vez mais realistas, enquanto deixamos de lado a realidade. Qual sua opinião sobre esse paradoxo? 2' 15"
  • Jogo muito sério não é tão comercial. O jogo tá perdendo diversão. Está ficando mais simulador que jogo. Isso não é legal.
  • Aposto que o próximo jogo que fará sucesso é um jogo que traga entretenimento, não só coisa sérias. Hoje a gente não ri quando joga games. 3' 05"
  • Os jogos vão explorar outros tipos de emoções além do prazer de matar o outro? 3' 35"
  • Certamente. Se fizerem um jogo da Playboy, eu sou o primeiro a comprar.

Dicas

Siga-me no Twitter, Facebook, LinkedIn ou iTunes.

Autor

Frederick van Amstel - Quem? / Contato - 15/07/2005

Palavras-chave

game    realismo    diversão    level    cenário    som    

Opções



Comentários

Discussão
Vinicius Silva
21/01/06 às 16:18

Esqueceram a velha fórmula "Press Start to Play", com isso a saudade dos antigos jogos de 8 e 16 bits só aumenta.


Discussão
Ronaldo
22/08/06 às 02:06

Realmente isso aí tah tudo certim!! Moss d Deus! Esses jogos novos soh sao bons enquanto saum novidade!! Qdo acaba a graça pra onde agente volta¿¿ pro emulador d atari, nintendinho, snes, mega, arcade... por mais q vc enjoe deles por um tempo, vc acaba sentindo saudades e jogando d novo!!

esses dias eu achei um site mto legal soh com músicas dos games velhos, acho q eh www.snesmusic.org (qualquer coisa pesquisem snesmusic). curti d+ as trilhas d chrono trigger e rock n' roll racing!!

t+!


Discussão
anonimo
04/02/08 às 09:17

puts nem um pouco


Discussão
Agatha
13/07/08 às 17:45

amei adorei e sempre vou adorar eeeeeeuuuuuuuuuuu ammmoo eessseeeeeeeeeejjjjjopggggggggggggooooooooooooo aaaddeeeeeeqquuaaddddddddoooooooooooooooooossssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssssss




Comente.






(aguarde que é demorado mesmo...)


Você merece.

Assine nosso conteúdo e receba novidades sem sair de casa!

Atualizado com o Movable Type.

Alguns direitos reservados por Frederick van Amstel.

Apresentação do autor | Consultoria | Portifólio | Política de Privacidade | Contato