Usabilidoido: Menu Principal

English Website


Acessibilidade e inovação

Hoje tive uma conversa bem interessante com o leitor Leandro Ferreira, o famoso Durang do fórum FlashMasters, que me contava sobre uma tentativa de tentar tornar o conteúdo em Flash mais acessível. Como sabemos, tudo que se coloca dentro de um SWF dificilmente será acessado por um buscador ou um usuário com necessidades especiais (leitores de tela, aumento de fonte, navegação só pelo teclado, etc). Isso pode não parecer importante, mas um dia você se sensibilizará com a causa, seja pelo coração, seja pelo bolso.

Resumindo, eu disse a ele que não adianta tentar tornar o Flash mais acessível. Enquanto a Macromedia não fizer isso pra valer com um código no SWF mais estruturado e complacente a padrões como o SVG, não adianta o esforço extra. Se a acessibilidade é importante para o conteúdo, então melhor não usar Flash.

Porém, o rapaz usou meu próprio argumento para defender o uso do Flash: "precisamos inovar nas interfaces". O objetivo dele é encontrar uma solução que envolve detecção em Flash e XML com XLST para gerar XHTML. Complicado né? Por isso eu disse que não valia o esforço, mas se ele conseguir será um bem valioso para toda a comunidade de desenvolvedores de Flash. Acompanhe um trecho da conversa:


fred:
bem, pelo que tenho visto, é difícil um site todo em Flash apresentar alguma vantagem para usuário

Leandro:
isso por falta de uma solucao diferente de estrutura e metaforas que funcione pro usuario final

Leandro:
eu penso

fred:
eu pensava assim tb

fred:
mas mudei de idéia depois de ler alguns livro sobre design de softwares

fred:
metáforas são muito perigosas

Leandro:
nao é algo facil.. esquema do windows funciona e todos acham facil

fred:
porque o designer fica apaixonado por elas

fred:
e acaba levando ao pé da letra

fred:
trazendo todas as dificuldades do objeto real

Leandro:
mas novidade é importantee imagino que seja possivel mudar sem tornar tudo mais dificil

fred:
simconcordo plenamente

fred:
e o Flash é o máximo nisso

Leandro:
entaogrande lastima nao se aproveitar dele

fred:
grande lástima o flash ser menos flexiveldo ponto de vista da acessibilidade

fred:
por isso acho que a Macromedia vai adotar uma forma semelhante de SVG

Leandro:
exatamente uma solucao de acessibilidade que eu to procurando

fred:
mas não é em qualquer trabalho que se pode experimentar inovações

fred:
aliásas oportunidades são muito restritas

fred:
em geralo usuário espera o padrão

Leandro:
orasmas experimentar é preciso..

Leandro:
nao to fazendo nenhum site comercial

Leandro:
depois de comprovado que funciona queas coisas saem da experimentacao

fred:
pense nos seus usuárioseles ficarão chateados se tiverem que reaprender alguns conceitos para poder navegar pelo seu site?

fred:
no caso do Usabilidoido eu achava que sim

fred:
mas depois de receber frequentemente reclamaçõespretendo adotar um modelo mais padrão

Leandro:
nao acho essa uma açao muito boa.. como encontrar boas solucoes se nao tentar?

nao to criando nenhum site pessoalou comercialou o que seja
o objetivo de tudo seria exatamente testar um metodo pra deixar o conteudo do flash acessivel

fred:
porque não falou antes? vai fundoheheheh

fred:
mas te dou um conselho

fred:
não esquente muito com isso

fred:
porque talvez o Flash nunca seja acessível

fred:
pelo menos é o que acredita o Collin Moock

fred:
ele diz que o foco do Flash é no visualpor isso não adianta

Leandro:
bemnao custa tentar


Dicas

Siga-me no Twitter, Facebook, LinkedIn ou iTunes.

Autor

Frederick van Amstel - Quem? / Contato - 28/12/2004

Palavras-chave

acessibilidade    flash    metáfora    arashjoyafar    

Opções



Comentários

Discussão
MarcoGomes
28/12/04 às 09:18

Eu ainda acredito no Flash para o que só ele pode fazer, ou o que ele faz melhor, infográficos, animações longas (na linha do charges.com.br), aplicativos cabulosos como o GloboMedia, players de audio e video online etc.

Os players são interessantes pois é infinitamente mais prático para o usuário clicar em um botão 'play' do flash do que ter que lidar com as complicações do streaming 'convencional', como QuickTime, RealAudio/Video, WMV ou qqer outra coisa: ler se ele tem ou não o player, baixá-lo, asperar um software gigante ser carregado (o RealPlayer 10 está um abuso) etc. Acredito que a penetração do FlashPlayer é bem maior que a do RealPlayer, mas, ainda assim, encontramos muita coisa neste formato.

Ultimamente tenho acreditado que o Flash é ótimo para unir meios, como áudio, vídeo e texto.

Tem também a integração com servidores, que eu nem pretendo considerar, senão a caixa de comentários vai esgotar o espaço.

Ainda assim, não apoio o desenvolvimento de websites inteiros em Flash, afinal, a acessibilidade é muito baixa.

Vocês podem conferir um trabalho meu em FlashVideo em: http://gsm.brasiltelecom.com.br/gsm/static/BRT_CELULAR/Common/Arquivos_Estaticos/HotSite_Corporativo/default.htm


Discussão
Luiz
29/12/04 às 10:08

Humm... Não sei se conhecem, mas vai ai um link que achei interessante.
http://www.webaim.org/techniques/flash/

Att,
Luiz


Discussão
Leandro M Ferreira
26/09/06 às 11:05

http://www.flysforum.net/flaber/flaber/

e não é que tentaram fazer isso?


Discussão
Fernanda lima
20/12/11 às 19:54

eu acho que adianta sim tornar o Flash mais acessível!




Comente.






(aguarde que é demorado mesmo...)


Você merece.

Assine nosso conteúdo e receba novidades sem sair de casa!

Atualizado com o Movable Type.

Alguns direitos reservados por Frederick van Amstel.

Apresentação do autor | Consultoria | Portifólio | Política de Privacidade | Contato