Usabilidoido: Menu Principal

English Website


O poder do vermelho e do cinza

Estou aqui analisando o resultado das entrevistas que fiz com os usuários do site da minha Universidade e fiquei impressionad com o impacto que o vermelho teve na memória deles. Abre o site da UFPR, veja as cores do layout e depois veja a discrepância com o resultado da pergunta:

Que cores você consegue lembrar que tem no site da federal? (múltipla escolha)
grafico_corses_lembradas.gif

Eu sabia que vermelho é potente e que deve ser usado só em casos extremos porque atrai muito a atenção. Mas que ele é tão marcante assim eu não sabia! Pô, de vermelho na página da UFPR só tem num banner que pisca a cada 3 segundos. Tem mais alguns banners estáticos lá pra baixo, mas menos destacados. O laranja está praticamente na mesma proporção, mas não foi tão lembrado.

O mais engraçado é que quando perguntados o que existe na coluna central, ou respondiam que tinha banners irritantes ou simplesmente não se lembravam deles, confirmando a teoria da cegueira de banner. Ao invés de chamar a atenção, o banner acaba fazendo o contrário: esconde a informação que carrega. Dia desses escrevo um post só sobre isso.

Quem olhou com atenção o gráfico e a página da universidade deve estar se perguntando: "onde é que está o cinza que esse pessoal lembrou?" Tenho duas hipóteses ousadas: ou a cor do navegador (cinza por padrão no Windows 95/98) é invocada quando o usuário se lembra de uma página, ou então a cor cinza já foi tão usada em combinação com azul e branco que o usuário reconhece como padrão. O que vocês acham?


Dicas

Siga-me no Twitter, Facebook, LinkedIn ou iTunes.

Autor

Frederick van Amstel - Quem? / Contato - 05/07/2004

Palavras-chave

cores    banner    layout    cor    vermelho    cinza    

Opções



Comentários

Discussão
Marcelo Linhares
05/07/04 às 20:37

Acredito que seja o azul claro com o branco, que cria uma cor muito semelhante ao cinza.....

A questão do navegador penso que não é levado mais em consideração pelos usuários, eles já estão sabendo discriminar "SOFTWARE/NAVEGADOR" - "URL-SITE"


Discussão
Fred
05/07/04 às 22:08

Como assim, cria uma cor semelhante ao cinza? Esse fenômeno precisa de uma explicação mais plausível. Tenho a impressão de que isso tem a ver com psicologia cognitiva, Gestalt e afins.


Discussão
Sérgio Jardim
06/07/04 às 01:24

Fred, acho que o seu ponto sobre o navegador ser cinza realmente influi.
Agora, o cinza ai citado, talvez, seja a cor de fundo dos titulos das colunas (como em cursos, etc) percebida pelos usuários quando usando monitores em 16 bits de cor e mal calibrados.

Fiz a experiência aqui, descendo minhas cores para 16 bits e alterando meus valores de brilho e contraste (eu uso assim, num samsung 753 dfx: brilho 38 e contraste 100). Calibrei-o usando o adobe gamma.

Aquele tom de azul me sugere cinza quando visto em condições ruins de brilho e contraste. Pior talvez se há sol refletindo no monitor.

Que me diz?


Discussão
Lincoln Schultz
06/07/04 às 15:14

A minha explicação é:

CHUTE !!!

:)


Discussão
Fred
06/07/04 às 17:45

Hmmm... bem pensado Sérgio. A maioria dos entrevistados acessam o site na própria faculdade e lá os monitores são altamente descalibrados. Porém, como explicar que 99% se lembraram do azul? Pela sua hipótese, quase todo o azul seria percebido como cinza.

Lincoln, não acredito que seja chute, do total de 34 entrevistados, 16 lembraram do cinza. O fato de haver acerto total na combinação azul/branco reforça ainda mais a exatidão das respostas.

Mas, como diz este excelente artigo, a memória não é retrato fiel dos objetos. É uma interpretação deles. É essa interpretação que me interessa, é isso que quero descobrir. Porque o cinza foi lembrado? Será que é porque a página não é visualmente atrativa e o cinza estaria associado a isso?

http://www.visualexpert.com/Resources/memoryunreliable.html


Discussão
Claudio Nossa
08/07/04 às 20:26

Sabemos que existem os erros não amostrais em qualquer pesquisa e esta é uma questão que deve ter uma atenção especial. Vários são os motivos para estes erros apareçam, pode ser a posição das respostas ou até mesmo o tipo da pergunta.
Eu estava vendo o seu formulário (http://www.usabilidoido.com.br/entrevistar_usuarios_e_massa.html) e acho que seria interessante você perguntar apenas qual são as cores que a pessoa se lembra e não colocar as opções.. Como as pessoas escolheram as cores? Elas viram as opções na tela? Apontaram? Veja que tanto o azul quanto o cinza são as últimas opções. Normalmente quando a pessoa não quer responder diz a primeira que aparece e neste caso pode ter sido a última?

Se o resultado foi tão espantoso poderia fazer outro tipo de pesquisa e comprovar...


Discussão
Fred
08/07/04 às 21:45

Perguntava se ela lembrava da cor laranja, sim ou não. Em seguida perguntava a próxima. Achei melhor fazer uma questão fechada para justamente verificar se o vermelho e o laranja dos banners estavam influenciando o layout da página. Se tivesse deixado a pergunta aberta, imagino que só receberia a resposta "azul". Como diz no artigo que coloquei num comentário acima, as pessoas tem dificuldades em lembrar das cores.


Discussão
amex
16/07/04 às 13:36

Esse azul esta muito acinzentado.
A primeira vista lembra muito mais a cor cinza do que azul. So qepois de se olhar mais atentamente eh que se percebe que eh um tom de azul.


Discussão
Michelle Cavalcante
17/07/04 às 20:14

Minha explicação para a escolha da cor cinza pelos entrevistados é o tom de azul usado que lembra cinza, pois foi a primeira impressão que tive ao acessar o site.

Achei interessante a idéia de "descalibrar" meu monitos para testar a possibilidade de ver o site todo cinza, fiz o teste, sim, ficou tudo cinza inclusive o que era branco, logo acredito q o monitor pode ter muita culpa nesses 54%.

Seria também interessante ter certeza de que os intrevistados enchergam todas as cores, pois um dautônico, mesmo que com uma pequena percentagem de dautonicismo, veria tudo cinza.


Discussão
igor
24/07/04 às 01:16

os usuários que não lidão com questões cromáticas todos os dias têndem a observar de forma simplista questões como cor, não havendo distinção de ciano e azul claro por exemplo.

o usuário interpretando que o titulo das barras laterais sejam azuis, entenderão que o tom zulado do fundo seja cinza, pois em sua observação simplista 1 tom claro será cinza independendo se o tom tênde ao vermelho, verde ou azul.


Discussão
Fred
24/07/04 às 19:06

Hmmm, boa Igor! Mas, testei aqui usar vermelho e verde na mesma tonalidade e deu um efeito totalmente diferente. O contraste não deixa que se pareçam com cinza.

Se o texto dos títulos fossem pretos, estava dada a explicação, porque sugeriria uma gradação de claro/escuro entre o título e seu fundo. Mas não, a gradação é clara: do azul escuro para o claro.

Dei um screenshot e testei um desfoque no Photoshop para ver com o que se parecia e ficou ainda mais azul os títulos. Mudei para tons de cinza (Grayscale) e fiquei ainda mais encafifado.

O fato é que esse azul da página está próximo do cinza na escala cromática. Pode ser que realmente as pessoas esteja confundindo esse azul com cinza, por causa da simplificação que ocorre na memória. Mas daí volta àquilo que já disse aí em cima: como explicar o 99% de pessoas se lembrando do azul?

Olhando bem, agora levantei outra hipótese. Me lembrei que algumas pessoas comentaram que tinha azul sim, em alguns fundos. Isso significa que elas estão se referindo à caixas. Acredito que se eu perguntar a cor de fundo das caixas do menu, terei uma grande porcentagem de pessoas respondendo cinza, apesar de ser branco.

Porque isso? Primeiro, o fundo da página é branco e as caixas estão limitadas por um fio fino azul e um título mais grosso, no mesmo azul. Isso sugere que o que esteja dentro da caixa seja diferente do que está no resto da página. Quando isso ocorre na maioria dos websites, em geral a cor de fundo é diferente. Qual seria a cor mais adequada para o fundo dessas caixas, sem que aumentasse muito o contraste (já que o esquema da página não é contrastante)? Um cinza clarinho, é claro!

Matei a charada?


Discussão
Leandro M Ferreira
30/07/04 às 21:46

confusão mental, eu acho. o azul pouco saturado em contraste com o branco dando cinza, e as cores quentes generalizadas em vermelho e talvez amarelo


Discussão
Noelma Pimentel
20/09/05 às 14:42

O Cinza claro dar uma idéia de clareza, de que tudo está as claras, nada obscuro.


Discussão
Vinícius Siller
07/09/07 às 21:46

Muita gente lembrou do cinza, pois estão nas áreas quentes do site: navegação e caixa de login. Simples!


Discussão
Valmor Neto
04/12/08 às 16:03

Concordo com algumas teorias acima. Mas um detalhe importante, não citado aqui ainda, é a cor da fonte. Nas páginas que acessei elas estavam com o cinza #666666 no CSS.
Acredito que muitos usuários gravem a informação de cor do conteúdo texto do site.


Discussão
Felipe Carriço
05/12/08 às 13:06

Olá a todos. Vou levantar um outra hipótese: Daltonismo leve.

Possuo certa dificuldade na diferenciação de alguns tons de verde e vermelho, sintomas de daltonismo leve passado do avô materno para os filhos homens.

Qual a porcentagem de homens e mulheres que lembraram do cinza?
Talvés, o daltonismo leve tenha alguma influência na captura de tons de azul dessaturado, como foi meu caso que, a primeira vista, nem ao menos me dei conta do azul nos box, e somente depois que meus olhos acostumaram com a tela que pude perceber o azul.


Discussão
Carlos
08/02/11 às 18:22

Poxa, eu só consegui lembrar dos botões com rollovers em imagem que me lembra aquelas coisas prontas do fireworks, a maioria dos textos importantes como endereço, nome da instituição e coisas assim tudo em imagem também e as paginas internas nao tem rodapé...rs
Mas falando serio, o cinza está como fundo da barra de botões e do webmail, um é campo de entrada de dados o que chama a atenção de muitos, outro é a barra de navegação que é parada obrigatória entao pode ser isso..
Eu tambem lembrei do cinza...
Valew




Comente.






(aguarde que é demorado mesmo...)


Você merece.

Assine nosso conteúdo e receba novidades sem sair de casa!

Atualizado com o Movable Type.

Alguns direitos reservados por Frederick van Amstel.

Apresentação do autor | Consultoria | Portifólio | Política de Privacidade | Contato