Usabilidoido: Menu Principal

English Website


Visualização da Informação

Essa é uma técnica aplicada de Design da Informação, cujo objetivo é tornar uma série de dados abstratos em um padrão reconhecível, mais próximo dos modelos mentais. Apesar de ser uma disciplina bastante complexa e acadêmica, seus conceitos também se aplicam na nossa interação com objetos do dia-a-dia, incluindo as interfaces do computador.

Visualização da Informação no dia-a-dia [MP3 - 10' - 1.9MB]

Notas

  • livro do norman
  • consciente e inconsciente
  • jogos tem que apresentar certa complexidade
  • nós jogamos inconscientemente, simplificamos - números
  • jogo da velha
  • visualização da informação
  • dados abstratos, sem uma representação óbvia
  • percepção de padrões e relações, estimular o pensamento
  • se estivesse usando slides
  • tufte e powerpoint
  • voltando ao jogo da velha, a técnica de visualização transforma ele numa coisa do dia-a-dia, chata
  • é assim que as coisas de rotina tem que ser, para que concentremos no que realmente importa

Mais sobre o assunto: Infovis, artigos periódicos bem acessíveis sobre o assunto e a explicação da lógica da visualização criada pelo setor de pesquisas da IBM para visualizar a edição de páginas da Wikipedia.


Dicas

Siga-me no Twitter, Facebook, LinkedIn ou iTunes.

Autor

Frederick van Amstel - Quem? / Contato - 01/12/2004

Palavras-chave

visualização    informação    gráfico    infografia    

Opções



Comentários

Discussão
Leandro Menezes Ferreira
03/12/04 às 10:29

fazendo a matriz:
1 2 3
4 5 6
7 8 9

1+2+3 = 15 ??
não exatamente o jogo da velha


Discussão
Fred
03/12/04 às 16:25

Pois é, faltou visualização... Não expliquei que a matriz é a seguinte:

8 1 6
3 5 7
4 9 2

Ninguém começaria o jogo puxando um dois e em seguida um três, porque daí não seria possível atingir 15 com qualquer outro número que pegasse.

A matriz mostra as soluções possíveis tanto do jogo da velha, quanto do jogo com números e não todas as combinações possíveis. Fui claro ou ainda falta visualização, hehehehe?


Discussão
Leandro Menezes Ferreira
05/12/04 às 01:59

realmente faltou o visual. qual a vantagem afinal de contas de se fazer tudo no áudio?


Discussão
rodrigo
05/12/04 às 02:46

E ae Frederick blz???
Vira e mexe eu passo aqui no teu blog e leio os artigos.
Eu tou fazendo curso de web só ki ja mexo a uns 4 anos, daí algumas parada ki li aqui vem me ajudando, e qdo eu me formar eu ja vou ter uma boa noçao sobre usabilidade.

eu colokei um link do blog la nos meus sites

http://rodrigomio.cjb.net
http://techabstract.cjb.net

se possivel de uma passada la.

Abraço


Discussão
Fred
05/12/04 às 08:50

Obrigado pela citação, Rodrigo! Vai fundo nos estudos!

Leandro, a principal vantagem do audio é que é mais fácil para produzir. Se fosse escrever tudo que disse, demoraria 1 hora pelo menos. No áudio, são apenas 10 minutos. Mais fácil de produzir, maior produção.

Assim como é mais fácil de produzir, acredito que seja mais fácil de assimilar, já que escutar requer menor esforço cognitivo do que ler. Também a entonação e o ritmo da voz são informações que enriquecem o conteúdo, dando ênfase, ou apenas passando ligeiro por algo.

Porém, como disse, nesse caso do jogo da velha, faltou mesmo visualização. Falha minha, deveria ter colocado isso no conteúdo do post. De qualquer forma, estou ainda experimentando o formato, talvez deixe de lado caso o áudio não seja prático.


Discussão
Leandro Menezes Ferreira
06/12/04 às 17:38

é realmente interessante o post em áudio. mas me lembra algo que sempre é falado contra o flash, ficando o conteúdo como uma 'caixa preta'. acessibilidade.
e apesar de ser mais fácil entender o que é falado, eu(acredito que muitos aqui) dificilmente volto e escuto de novo quando nao entendo ou me disperso por um segundo, o que não é trabalho algum quando há um texto na minha frente.


Discussão
jhony_cash
07/10/08 às 20:54

nada haver esse papo de vocês, o cara falando de visualização da informação e vcs com esse papo ridiculo de jogo da velha!

Agora a bronca pro dono do artigo: Que artigo mais ridiculo, só comenta sobre a IBM e manda pra um site que por sinal é inutil. Se quer ajudar escreve uma coisa mais interessante... ¬¬




Comente.






(aguarde que é demorado mesmo...)

Pegue um fruto.


Você merece.

Assine nosso conteúdo e receba novidades sem sair de casa!

Atualizado com o Movable Type.

Alguns direitos reservados por Frederick van Amstel.

Apresentação do autor | Consultoria | Portifólio | Política de Privacidade | Contato